Resumo novela “Salve-se Quem Puder” 26/03: Bruno descobre que Micaela gosta dele

Alexia/Josimara consegue despistar Renzo.

Resumo novela “Salve-se Quem Puder” 26/03: no capítulo 052(*) da novela, quinta-feira, 26 de março, Alexia/Josimara consegue despistar Renzo. Kyra teme que Renatinha conte para Rafael que ela está viva. Rafael mostra a carta de Kyra que Alexia/Josimara teria psicografado. Verônica não gosta de saber que Micaela está apaixonada por Bruno. Os filhos de Alan percebem que Kyra/Cleyde está triste e a consolam. Micaela diz a Bruno que quer ajudá-lo e revela que está gostando dele.

Bruno receia que Micaela deixe de se interessar por ele, caso não seja diagnosticado com dislexia. Helena visita Úrsula na casa de Neusa, avó da jovem, e constata que ela voltou a ficar dependente de medicação. Renzo convida Alexia/Josimara para jantar. Petra observa Alan abraçando Kyra/Cleyde. Téo pede Luna/Fiona em namoro durante o jantar em família, provocando Helena.

(*) edição da Rede Globo, Novela “Salve-se Quem Puder”, sujeito a alteração de data e conteúdo.

“Salve-se Quem Puder”: resumo dos próximos capítulos da novela

Sinopse “Salve-se Quem Puder”: Três mulheres com novas identidades e uma única certeza: suas vidas estão entrelaçadas para sempre. Salve-se Quem Puder conta a história de Alexia (Deborah Secco), Luna (Juliana Paiva) e Kyra (Vitória Strada), que ingressam no Programa de Proteção à Testemunha e mudam de vida após presenciarem um crime. Para sobreviver, elas mudam o nome, a aparência, o estilo de vida e vão morar na fictícia Judas do Norte, no interior de São Paulo, depois que são dadas como mortas.

Alexia vira Josimara, Luna assume o nome de Fiona e Kyra é Cleyde, novas pessoas com um padrão de vida bem diferente. Elas serão acolhidas por uma família protetora – que não sabe nada sobre o passado delas – e vão precisar seguir regras rígidas para permanecerem no programa. A primeira delas é a interrupção imediata de qualquer tipo de contato com conhecidos, por isso, celulares e rede sociais são proibidos, assim como frequentar os mesmos lugares e cultivar hábitos do passado.