Novela “Avenida Brasil”: Cadinho se muda para o subúrbio

Cadinho acaba indo morar no Divino, em uma casa emprestada por Muricy

Novela “Avenida Brasil”: Pilar (Betty Faria), a mãe de Alexia, chega ao Brasil e exige ser tratada com todas as regalias. Ela também choca a filha ao dizer que perdeu toda a fortuna da família ao investir o dinheiro no banco de um ex-namorado. Resumindo, Alexia está falida.

A fidelidade de Cadinho a Alexia não dura muito tempo. Ele logo sente falta das outras mulheres e volta a encontrá-las. E a guerra é declarada: Noêmia e Verônica, antes parceiras contra Alexia, tornam-se inimigas.

Irritada com tanta bagunça amorosa, Alexia decide propor um acordo. Já que Cadinho ama as três, que tal dividir seu tempo entre elas? Elas topam e ficam se revezando, tudo estabelecido em contrato. Só que Cadinho não aguenta a pressão, começa a adoecer e não consegue se dedicar plenamente aos seus negócios. Deixa tudo nas mãos de Jimmy (Felipe Abib), seu braço-direito, mas é traído pelo amigo, que mascara a contabilidade e desvia dinheiro da empresa.

Completamente falido, Cadinho acaba indo morar no Divino, em uma casa emprestada por Muricy (Eliane Giardini), mãe de Tufão (Murilo Benício). No subúrbio, ele se engraça com Suelen (Isis Valverde), acaba dormindo com Olenka (Fabíula Nascimento) e começa a trabalhar.

As mulheres de Cadinho vão morar juntas na casa de Verônica, pois não têm condições de manter suas residências. Só que não demora muito para terem de ir para o Divino, ou seja, o temido subúrbio.

Jimmy começa a cortejá-las, e elas, na pindaíba, decidem sair de casa para ficar com ele. Dividem o mesmo homem pela segunda vez, mas logo descobrem que não conseguem ficar sem Cadinho: voltam para o Divino e decidem se casar com ele, mesmo pobre. Cena prevista para fevereiro na novela “Avenida Brasil”.

Resumo “Avenida Brasil”: próximos capítulos da novela

“Avenida Brasil”: a história de uma jovem que, desde os 11 anos, planeja um acerto de contas com a madrasta. Rita (Mel Maia), órfã de mãe, era criada, com muito amor, pelo pai Genésio (Tony Ramos). Tudo muda quando ele se casa com Carmen Lúcia, a Carminha (Adriana Esteves), uma mulher ambiciosa e dissimulada. Com Genésio, ela se passava por esposa doce e dedicada; com Rita, era uma madrasta má.

A menina entra em desespero ao descobrir, após ouvir uma conversa da madrasta ao telefone, que Carminha está armando um golpe contra seu pai: ele será abordado na saída do banco, logo após receber o pagamento pela venda da casa onde mora com a filha e a nova esposa.