Novela “Ribeirão do Tempo” resumo 15/01: no capitulo 225 (*) da novela “Ribeirão do Tempo”, segunda-feira, 15 de janeiro, Sereno vai a casa de Flores, que pede para que ele lance um manifesto do Comando Invisível afirmando sua independência política. Karina chega e vai com Nicolau para o comício. Iara decide contar seus segredos para todos e vai até o quarto de Tito, mas encontra Filomena. A filha do prefeito avisa que está deixando a pousada. O comício se inicia. Joca se aproveita da ocasião e se aproxima da casa de Flores.

O professor está bêbado, inebriado ao ditar o manifesto para Sereno, que aproveita um momento de distração e liga o gravador. Ele induz Flores a falar sobre seus crimes. Todos ficam tristes com a notícia de que Filomena vai embora. Newton tenta convencer Tito a fazer com que Filó fique, mas o dono da pousada já se deu por vencido.

Alfredo corteja Léia. Bem tocado pela bebida, Flores fala sobre todas as mortes e assassinatos. Devido ao nervosismo, Sereno sua demais. O professor estranha e pede que se o rapaz se enxugue. Quando Sereno pega um lenço de seu bolso, deixa gravador cair.

Flores fica perplexo enquanto Sereno pega o gravador e guarda no bolso. Ele sai correndo enquanto Flores, muito bêbado e descontrolado, pega um revólver para correr atrás de Sereno. Flores começa a disparar, mas não o acerta. Os dois saem correndo da casa. Joca vê a cena e decide intervir. Jairo, que acompanhado de alguns agentes, escuta os tiros. Sereno chega a beco sem saída. Quando Flores vai disparar, Joca interfere e os dois começam a brigar. O hacker aproveita a briga e foge. O professor lembra do comício perto de sua casa e começa a gritar por socorro. Jairo, que está próximo, ordena que seu agente atire no suposto terrorista. Joca pula o muro e foge. Jairo e seus agente correm atrás do detetive.

Flores se recompõe da briga com Joca. Ferido, decide ir até o comício de Nicolau. O professor sobe no palanque e se junta à Karina. Durante a fuga, Joca encontra Sereno mancando. Ele pede que o hacker entregue o gravador para Marisa. Os agentes federais se aproximam e o detetive continua em sua fuga. Flores pede a palavra para Nicolau e começa a discursar. O professor afirma que sofreu um atentado. Joca tropeça durante a fuga e os agentes federais conseguem prendê-lo. Teixeira avisa à Querêncio que deixará de ser inventariante do testamento de Durrel. O advogado convoca todos para comunicar algo. Célia chama Bruno para uma conversa e avisa que além da separação, pedirá metade de seus bens.

Novela “Ribeirão do Tempo”: resumo dos próximos capítulos

(*) edição da Rede Record, Novela “Ribeirão do Tempo”, sujeito a alteração de data e conteúdo.