Novela “Belíssima”: Mary concorda em assinar o contrato antes que Guida lhe entregue o testamento. Guida fala que só vai entregar o testamento quando a cópia do contrato vier do cartório. Mary assina o contrato afirmando que vai fazer o show e exige que Guida lhe dê o testamento. Mary, Guida e Gigi descobrem que o testamento sumiu. Gigi e Guida procuram encontrar o testamento. A caça ao testamento não foi fácil. Ao ver que Mary cumpriu sua parte no acordo e assinou um contrato para produzir um programa de televisão, Guida vai à rodoviária para buscar o testamento que estava escondido num maleiro. Para sua surpresa, o maleiro estava vazio.

Depois de tanto tempo guardado, o testamento foi removido pelos funcionários da rodoviária e encaminhado à sala de achados e perdidos. Com paciência, Gigi ajuda Guida a comprovar que ela havia esquecido o documento na rodoviária e retira o testamento. Depois de muita confusão, Mary recebe a cópia do testamento que seu marido fez antes de falecer. Nele, a ex-vedete descobre que é dona de todas as ações da Belíssima que estavam no nome do marido. Emocionada, Mary desmaia e é amparada por Gigi e Guida. Ambiciosa, Mary faz planos com as ações e consulta uma advogada para saber quanto dinheiro – e poder – ela acaba de herdar.

Cena prevista para outubro, em “Belíssima”.

Novela “Belíssima”: resumo dos próximos capítulos

(*) edição da Rede Globo, Novela “Belíssima”, sujeito a alteração de data e conteúdo.

Simpática, bem-sucedida e discreta, Júlia Assumpção é presidente da Belíssima, referência mundial no setor de roupas íntimas. Sua avó, Bia Falcão, a pressiona para se tornar parecida com a mãe, Stella Assumpção – que foi uma modelo bastante famosa, mito de beleza na década de 1960. Fundadora da marca Belíssima, Stella morreu em um acidente de avião junto com seu marido, deixando órfãos Júlia e Pedro. Desde então, Bia Falcão se tornou responsável pelos dois, tendo-os criado. Até hoje tenta controlar a vida deles. Em casa, Júlia só encontra apoio no tio, Argemiro Falcão, vulgo Gigi, e na governanta, Matilde. Bia faz de tudo para Júlia se sentir culpada pela morte dos pais.

A vilã fará de tudo para acabar com os romances de Pedro com Vitória, uma ex- menina de rua que ele escolheu para ser sua esposa, com quem tem uma filha, e Vitória será perseguida pela vilã durante toda a trama, porém, sem perder a fibra e a coragem; e de Júlia com André Santana. Este, apesar de não parecer inicialmente, é um grande e terrível vilão, diabólico e ambicioso, que almeja ser dono da Belíssima em conjunto com seu pai, Aquilino Santana, o seu Quiqui, que aparenta ser um bom velhinho, mas é, na verdade, um bandido da pior espécie, ex-matador de aluguel. André vai se envolver com Júlia e com a filha de Júlia, Érica, uma mulher fútil e perversa como a bisavó Bia Falcão. Érica é aspirante a modelo.