Um novo equipamento utilizado nas obras do trecho leste do Rodoanel SP vai agilizar o andamento da construção de duas pontes. A máquina permite que o trabalho que levava um mês seja feito em uma semana.

“É uma tecnologia nova vinda da Europa. Vai ser um ganho para São Paulo, para o Brasil e para a engenharia brasileira”, disse o governador Geraldo Alckmin sobre o equipamento de autocimbramento, inédito em obras viárias na América Latina. Com o equipamento será possível a implantação de até 60 metros de tabuleiro de ponte por semana. Pelo método tradicional a mesma quantidade de pavimento levaria 30 dias para ser concluída.

São 32,5 km entre Mauá, Arujá e Guarulhos. Mais de 1 km em túneis e 16 km ao todo entre pista elevada, viadutos e pontes. Nesse trecho, as pistas estão sendo construídas de forma suspensa e o uso do equipamento evitou o deslocamento de 4,5 milhões de m³ de terra.

A construção deste trecho do Rodoanel tem entrega prevista para março de 2014. Hoje, são 56 frentes de trabalho simultâneas que empregam mais de 5.750 trabalhadores, entre empregos diretos e indiretos.

Do Portal do Governo do Estado