Rede Record: a quarta edição de A Fazenda já tem data de estreia: será na noite de 19 de julho. Nesta temporada o público será surpreendido por novas disputas entre os confinados, provas emocionantes, conchavos, fofocas e momentos divertidos entre os participantes. A Fazenda é apresentada por Britto Jr. e a direção geral é de Rodrigo Carelli.

A Fazenda é a versão brasileira do programa The Farm, sucesso em mais de 40 países e que chega transformado numa superprodução de mais de R$ 20 milhões na tela da Record. O reality show vai mostrar um lado desconhecido de 15 famosos – entre atores, cantores, modelos e personalidades da mídia – que terão sua habilidade (ou a absoluta falta dela) testada em tarefas típicas do meio rural.

A cada semana, os mais novos “peões” contratados para a Fazenda da Record terão que provar que são capazes de realizar os mais diferentes trabalhos. Eles vão ter que acordar muito cedo, ordenhar vacas, dar banho em cavalos, recolher os ovos das galinhas, plantar e colher e ainda saber lidar com carroças, arados e tudo mais que envolve o universo do campo.

“Eles vão ter que encarar uma nova rotina e, literalmente, ‘fazer as pazes’ com a natureza. Estamos reunindo a tradição rural brasileira, valorizando seus costumes e o trabalho no campo, à emoção dos reality shows, com câmeras monitorando tudo, os desafios super produzidos, o voto do telespectador e a tensão das eliminações”, afirma o diretor geral do programa, Rodrigo Carelli.

Neste grande jogo, os 15 competidores, que têm suas vidas registradas por câmeras e microfones 24 horas por dia, 7 dias por semana, têm que lidar com questões comuns ao meio artístico, como a vaidade e a opinião pública, além de temas bem pessoais, como a amizade, o amor, a raiva e a saudade de casa. Além do choque cultural e do esforço físico naturalmente exigido pelas tarefas diárias da fazenda, os participantes precisam provar que são inteligentes e fortes o bastante para agüentar as armadilhas de um confinamento.

Para a realização de A Fazenda, uma propriedade de mais de 150 mil m² em Itu, no interior de São Paulo, foi especialmente preparada, com a instalação de câmeras de última geração, torres de luz, microfones e toda a infra-estrutura necessária para mais essa superprodução da Rede Record.