São Paulo recebe VerCiência 2011

Agência FAPESP – Entre os dias 18 e 23 de outubro, São Paulo sediará a 17ª Mostra Internacional de Ciência na TV – VerCiência, que promove a disseminação do conhecimento e cultura científica a partir da exibição de produções de televisão nacionais e internacionais.

Com curadoria de José Renato Monteiro, Sergio Castanheira Brandão e Maria Isabel Landim, a VerCiência selecionou programas de formatos diversos, entre documentários, docudramas e reportagens, voltados aos públicos adulto e juvenil.

Além da exibição dos programas, palestras e cerimônia de homenagem compõem a mostra. Neste ano a emissora de televisão pública japonesa NHK será homenageada pela contribuição internacional à disseminação do conhecimento e da cultura científica pela televisão.

Durante o evento, que integra o calendário oficial da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2011, 80 programas de dez diferentes países (Brasil, Argentina, Chile, México, Colômbia, Estados Unidos, Reino Unido, Japão, França e Itália) serão exibidos gratuitamente no Museu Biológico do Instituto Butantan, Estação Ciência da Universidade de São Paulo (USP), Museu de Ciências da USP, Catavento Cultural Educacional e Biblioteca Mário Schenberg.

A curadora da edição da Mostra em São Paulo, Isabel Landim, professora do Museu de Zoologia da USP, ressalta que, entre as novidades para 2011, na Estação Ciência da USP os programas serão oferecidos segundo a escolha do público. Os grupos que visitarem o local poderão escolher os programas que desejam assistir em esquema de revezamento.

“O Museu de Zoologia da USP, que está fechado para reformas, em parceria com o Sesc-Ipiranga oferecerá a oportunidade de o público de São Paulo desfrutar da VerCiência fora do calendário da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, na semana do Dia Internacional da Ciência, que será realizada de 8 a 13 de novembro”, disse Landim.

Além de São Paulo, a mostra também será exibida simultaneamente no Rio de Janeiro, em Brasília e em instituições de outras cidades, cadastradas no site da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

Este ano, os programas selecionados foram agrupados em seis grandes temas da ciência: Mudanças Climáticas, Desastres Naturais e Prevenção de Riscos, Ano Internacional da Química, Mulheres na Ciência, Evolução e Biodiversidade e Aventura da Ciência.

Landim explica que os dois últimos temas são “cativos” e compõem a mostra desde a sua primeira edição. “Os outros têm motivações. Mulheres na Ciência, por exemplo, foi uma homenagem à polaca Marie Curie (1867- 1934), uma das grandes cientistas do século, que ganhou o Prêmio Nobel de Física em 1903 e o de Química em 1911”, contou. Mudanças Climáticas e Desastres Nacionais e Prevenção de Riscos são os temas principais da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

A entrada para as sessões é gratuita e a classificação das produções é de 14 anos.

A programação de cada instituição (com horários, títulos e sinopses dos programas) está disponível na página de cada instituição na seção Mostras/São Paulo em www.verciencia.com.br